terça-feira, 24 de novembro de 2009

18 anos sem Freddie Mercury


Hoje lembramos com saudades um dos ícones do Rock'n Roll e que nos deixou há exatos 18 anos. Freddie Mercury, o inesquecível líder do Queen foi um dos principais artistas a transformarem o Rock numa coisa teatral e inesquecível. Nascido na ilha de Zanzibar, o pequeno Freddie e sua família migraram para a Inglaterra quando o artista ainda era pequeno. Já no Reino Unido, Freddie estudou Arte & Design. Formou o Queen no início dos anos 70 que trazia também Brian May (Guitarra), Roger Taylor (Bateria) e John Deacon (Baixo). O estouro do Queen foi em 1975, com o álbum 'A Night At the Opera', o single "Bohemian Rhapsody" foi um sucesso improvável, uma ópera rock de 5 minutos de duração que tornou o Queen numa das bandas mais bem sucedidas, tamanha a sua ambição.

 O sucesso de Freddie com o Queen só aumentava. Suas perfomances teatrais eram constantemente renovadas, bem como suas canções, sempre estilísticas. Nos anos 80, a banda decide investir em maiores produções e apesar de críticas o sucesso prevalece. O Queen continua produzindo grandes sucessos, entre eles: "Another One bites the dust', "Under Pressure", "I Want to Break free" entre outras. O Queen passa a lotar estádios do mundo inteiro, inclusive no Brasil, onde a banda fez shows memoráveis em São Paulo (1981) e no Rock in Rio em 1985.

Após anos atuando nos palcos e lançando álbuns rentáveis, o Queen decide parar de fazer shows pelo mundo. O álbum 'The Miracle' de 1989 foi o primeiro álbum da banda a não ter uma turnê de promoção. O fato fez com que circulassem boatos sobre o estado de saúde de Freddie Mercury, que sempre negou o fato. Em 1991, já bastante debilitado, Freddie Mercury anunciou que sim, estava com AIDS. Poucas horas após a sua declaração, Mercury faleceu aos 45 anos de idade. Uma perda irreparável no mundo do Rock, que até hoje é sentida. Mas o seu talento continua servindo de ispiração para muitos novos artistas.


Apesar de fazer 18 anos após o fim, o legado de Freddie Mercury permanece mais vivo do que nunca, através de discos e DVD's que perpetuam sua memorável presença, fazendo com que novos adeptos conheçam sua obra.








Um comentário:

andy disse...

ele reinará eternamente
ele é, e sempre será um ícone de exemplo
o único q lutou com todas as forças para chegar onde chegou e q nunca escondeu o seu verdadeiro eu!!!

vc sim foi um grande homem, aquele q a fama infeslimente devorou.

Queen eternamente

Seguidores

Ocean of noise: A cultura pop mim

Ocean of Noise

Minha foto
Florianópolis, Santa Catarina, Brazil
Renato Cunha 28 anos Propósito do blog: Mais um veículo dedicado ao mundo pop. Com minhas próprias palavras colocarei o que penso sobre a arte em geral. E-mail: renatornc@hotmail.com